Como Economizar Gás de Cozinha

Saiba economizar o gás de cozinha e poupar dinheiro.

Embora seja comercializado dentro de um bom custo-benefício, o GLP ou Gás Liquefeito de Petróleo, é possível consumir o mesmo de modo mais econômico. Não se pode calcular com precisão, e criar uma estimativa da duração de um botijão, pois, em cada lar o número de pessoas varia e o consumo também. Portanto, vale a pena verificar as dicas e métodos para economizar muito gás de cozinha e, por conseguinte, aliviar o bolso.

1 – Evitar abrir o forno durante os assados. É muito comum abrir constantemente o forno para se verificar o progresso do assado, porém, esse ato provoca alteração na temperatura interna do compartimento, atrasando o processo e consumindo mais.

2 – Planejar bem cada refeição. Tirar uma hora, pelo menos, para planejar o preparo das refeições durante a semana, assim, será possível efetuar a preparação de cada uma mais eficientemente, antecipando o tempo que cada tipo de alimento leva para estar pronto.

3 – Manter o fogão sempre bem higienizado. Essa higienização evita, sobretudo, que as bocas se entupam e o fogão acabe forçando a saída de mais gás para que funcione corretamente. Adquira aquela agulha para desentupimento; limpar bem a chapa superior, bem como o interior.

4 – A panela de pressão ajuda muito a economizar. A panela de pressão não é perigosa como se prega por aí, basta saber a utilizá-la e manter a sua manutenção. Por meio dela, os alimentos são cozinhados de modo acelerado. Para tornar o processo ainda mais eficiente e econômico, coloque de molho por até 12 horas feijão e grão-de-bico, por exemplo, para que o cozimento se dê no menor tempo possível.

5 – Enquanto estiver cozinhando mantenha a janela mais fechada, não totalmente, pois a corrente de ar faz diminuir a potência das chamas do fogão, exigindo, por conseguinte, maior tempo de cozimento, já que a panela também resfria.

6 – Manutenção no fogão, de tempos em tempos, é imprescindível. Vale a dica de substituir o fogão velho por um novo. Um aparelho velho, desgastado, também pode ser um risco por não conter bem o gás.

7 – Utilize o cozimento a vapor. Vale a pena aproveitar o cozimento de um determinado alimento, na panela, e posicionar um tipo de escorredeira metálica sobre a mesma de modo a matar duas tarefas numa só, ou seja, cozinhar mais um alimento por meio do vapor produzido no cozimento de outro, ou seja, uma boca a menos gastando gás. Faça isso com os legumes, que podem facilmente ser cozido a vapor.

8 – O fogão tem, pelo menos, duas bocas pequenas e duas grandes. Portanto, respeite as proporções. Posicionar uma panela pequena sobre uma boca grande será desperdício de gás. A pressa é inimiga da perfeição e da economia, como o famoso mote: o barato sai caro.

9 – Cozinhar os alimentos com as panelas tampadas, pois, o calor contido no interior da mesma ajuda a acelerar o processo de cozimento. As panelas abertas fazem dissipar o calor a atrasar o preparo das refeições, utilizando, por isso, mais gás.

10 – Fatiar os alimentos em metades bem menores. Esse procedimento ajuda a cozinhar mais rapidamente. Esse é um dos melhores meios de se economizar gás. Por exemplo, uma batata grande ao ser fracionada em várias partes é cozida em menos tempo, pois, cada pedacinho constitui uma unidade menos densa para o preparo, menos resistente ao processo de calor e vapor produzido no interior da panela. Essas são dez dicas de grande eficiência para se economizar gás de cozinhas.

Paulo Henrique dos Santos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.